BIENAL DE LAS ARTES Y LA SALUD MENTAL 2009





À Mulheres: seus desejos

 

voltar

Um curioso ato falho ocorreu quando líamos a convocatória da V Bienal de Arte e Saúde Mental, de Cuba, cuja temática é A la mujer: por sus derechos. Aquilo que parecia tornar mais simples a leitura, a proximidade entre as duas línguas envolvidas – nossa língua-mãe, o português, e o espanhol, “língua-anfitriã” – foi, justamente, o que nos conduziu ao ato falho e, certamente, criativo. No lugar da palavra DERECHOS, lemos DESEJOS (deseos).

Assim, a exposição Às mulheres: seus desejos reúne obras selecionadas a partir do acervo virtual do projeto Cartografias da Criação, ação cultural dedicada a mapear e difundir a produção artística de pessoas ditas “loucas”. Composta por artistas de ambos os sexos, a exposição passeia pela riqueza e complexidade do universo feminino, tendo o desejo como norteador. Não seria o desejo, ou melhor dizendo, a possibilidade de desejar, o maior dos direitos das mulheres, e também dos homens? Não seria o feminino, lugar das origens, da delicadeza e das diferenças, mas também alvo de violências, preconceitos e privações, aquilo que nos lembra que é preciso manter desejos e direitos indissociáveis? As obras aqui reunidas revelam os diferentes estilos artísticos do acervo do projeto Cartografias da Criação, propositadamente focados para provocar no olhar do espectador a multiplicidade característica do feminino e de seus direitos/desejos.

Flavia Corpas (Curadora)